ÍNDIOS KAXARARI NA PONTA DO ABUNÃ, CONTAGEM REGRESSIVA – 20/07

 INDIGENAS MANIFESTAÇÃOO site Mão Amiga esteve visitando as aldeias Kaxarari, pedreira e kawapú, e conversando com lideres dessas localidades sobre uma possível movimentação para exigir direitos negados pelas autoridades.

Com depoimento em vídeo, eles falaram sobre o descaso de quem tem poder para lhes dar um mínimo de dignidade e fazem de conta que está tudo bem, e quando acontece um movimento em represália dizem que tudo está sendo providenciado e que em breve estará tudo resolvido.INDIGENAS MANIFESTAÇÃ

Todas as aldeias Kaxarari possuem a mesma reivindicação, que são estradas trafegáveis, energia para todas as aldeias, escolas com condições de trabalho, e um planejamento de agricultura familiar para que possam ter o sustento de suas famílias.

Quem visita as aldeias Kaxarari sente o abandono das autoridades e eles só estão em busca de um meio de vida melhor para os seus.

Em declaração o cacique Kawapú, Zé Cesar, a cacique da pedreira Marizina e o presidente de associações Kaxarari, João e Edson, confirmaram a manifestação para o dia 20 de julho como início , mas sem previsão de término.

Alguns da etnia, os mais jovens e afoitos, realmente consideram a questão de derrubarem uma torre de transmissão de energia do linhão, caso as autoridades não tomem atitudes para atender suas reivindicações.

Uma coisa é certa, as aldeias kaxarari estão prontas para essa movimentação pelo tempo que for preciso e com a atitude que for necessária.

Jornalista   J. Donizete   DRT/RO 1346

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.