MAIS DE 6 HORAS PARADOS NO TRECHO PARE/SIGA NA BR 364, MUTUM VELHO

Transtorno causado no trecho da elevação da BR 364, na Velha Mutum, onde existe um pare/siga de 25 km, e em uma das pontes é preciso passar por uma balsa usada como ponte, contudo com o início das chuvas a situação complicou, pois o nível do pequeno rio aumentou forçando a construção de uma passarela, a qual causou o atolamento de algumas carretas e até caçambas da própria empresa que realiza a obra, causando atraso de várias horas, em um trecho que já era complicado. Neste caso foi um atraso de 6 horas e 30 minutos. 14/11/2018

Uma situação que a empresa responsável pela obra poderia ter evitado tomando as precauções por causa da chegada do período de chuvas priorizando a passagem pela ponte.

Contudo, vários motoristas não tiveram respeito por quem já estava na fila e um grande número deles acabaram fazendo fila dupla trancando os dois lados do pare/siga e muitos deles simplesmente desobedeceram a parada e entraram sem a pista estar liberada, causando uma situação tensa e perigosa.

Assim está a BR 364.

Vai para Porto Velho, ou precisa vir de Porto Velho e passar no trecho pare/siga? Respire fundo e tome um suco de maracujá antes de sair.

Jornalista  Donizete  Silva  DRT/RO  1346

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.