Santander deve perder todas as contas da 2ª maior igreja evangélica do Brasil

FONTE : http://www.semprefamilia.com.br/blog-da-vida

O preço que o banco vai pagar pelo espetáculo de erotização infantil e blasfêmia está ficando cada vez mais caro

Igreja Batista

Foto da Primeira Igreja Batista de Curitiba, uma das maiores do país (Crédito: Agência Estadual de Notícias)

Igreja Batista do Bacacheri, em Curitiba, não foi a única a reagir contra a agressão do Santander à fé cristã. O banco está prestes a perder as contas de todas as igrejas batistas do país. Esse é o recado dado pela Ordem dos Pastores Batistas do Brasil (OPBB), que se reuniram na última segunda feira (13) para tratar do assunto.

O Blog da Vida teve acesso ao documento no qual o Conselho da OPBB declara seu repúdio à exposição e informa que, caso o banco mantenha esse tipo de postura, a Ordem incentivará a “desistência de contas, parcerias ou consumo” por parte de todas as “instituições, igrejas e membros” ligadas à OPBB. Os pastores avisam também que a mesma recomendação será feita a “todas as instituições associadas e cooperantes”.

Caso Santander: o que a nota da Mackenzie pode ensinar à arquidiocese de Porto Alegre

Cerca de 30% dos brasileiros declara-se evangélico. Segundo dados da pesquisa Datafolha sobre o assunto, divulgada em dezembro de 2016, a Igreja Batista é a segunda maior denominação evangélica do país. Reconhecem-se como batistas 11% de todos os evangélicos do Brasil. Desses, 28% ganham mais do que 10 salários mínimos.

Seria um rombo e tanto, não?

 

Leia a íntegra da carta:

Igreja Batista

***

Curta a página do Blog da Vida no Facebook

Por Jônatas Dias Lima

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.